Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

18.Jan.12

Os erros mais comuns no treino de longa duração

José Guimarães
Existem vários erros comuns no treino de longa duração que comprometem seriamente o rendimento competitivo de atletas que se dedicam a esforços de longa duração, especialmente na maratona. Desenhar o treino de modo a evitar que estes erros ocorram no processo de treino é um cuidado que deve fazer parte das preocupações de cada treinador. Até porque, muitas vezes, o avançar da época desportiva nos leva a esquecermo-nos de aspectos muito importante e que podem ser muito (...)
29.Set.11

Quanto tempo de treino é capaz de suportar o corpo?

José Guimarães
Eis seis conselhos para que nunca caia em excesso de treino (overtraining). Se se sente cansado ao ponto de pensar que o treino desse dia vai ser uma espécie de tortura, não saia. É preferível repousar em casa. O mesmo acontece se estiver maldisposto ou doente. Treinar só iria piorar. Como norma geral, pode dizer-se que, em cada quatro semanas, uma deve ser moderada, tanto a nível de quilómetros como de intensidade da corrida. Não é aconselhável aumentar o ritmo de treino (...)
27.Set.11

Correr fortalece ou enfraquece o sistema imunológico?

José Guimarães
O nosso sistema imunológico fortalece-se com o desporto, mas tem de ser na medida certa e nunca em excesso. O sistema imunológico do nosso organismo pode alterar-se completamente quando entram em cena factores externos como a angústia, a privação contínua de sono, problemas amorosos ou profissionais, as dietas inadequadas (excesso de álcool, gorduras, anarquia nos horários das refeições, etc), o cansaço acumulado, a ansiedade e até mesmo a idade do atleta. Cada desporto (...)
27.Set.11

Quanto é saudável correr?

José Guimarães
Se não ultrapassar o seu limite físico, correr só traz benefícios (em resumo, 14). E não encontrámos efeitos secundários. Um exercício aeróbio como a corrida, baixa a pressão arterial sistólica e diastólica. O sistema imunológico vai-se fortalecendo, desde que não se ultrapasse os limites e não se treine em excesso. Correr equilibra e normaliza o nível de insulina. Isto regula a sensação de fome e adapta-a ao que o corpo necessita. O corpo vai mudando à medida (...)