Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

17.Abr.12

Mente sã para corpo são!

José Guimarães
Muitos de vós que lêem estes artigos são corredores competitivos que treinam muito, mantêm um diário de treinos, planificam o descanso, alimentam-se bem e respeitam o vosso corpo. No entanto, antes do início de uma prova, muitas vezes deixam-se apanhar pela corrente de ansiedade. Consumidos negativamente pelos vossos pensamentos, entram numa espiral de "Eu tenho que correr bem, mas está tanto calor! Acho que não vou conseguir alcançar o meu tempo previsto. Não vou ter energia (...)
29.Set.11

Alongamento com retorno à calma - Pernas

José Guimarães
Os exercícios que se seguem concentram-se nos principais músculos das pernas usados ao correr, como os da barriga das pernas, do jarrete, das ancas e das coxas. Existe também um alongamento para os glúteos, uma vez que estes músculos estão ligados aos das pernas e o alongamento vai beneficiar os abdutores da coxa.   Alongamento dos glúteos Deite-se de costas com os joelhos flectidos Levante a perna esquerda e atravesse-a por cima da perna direita, para que o tornozelo fique (...)
29.Set.11

Técnicas de corrida: retorno à calma

José Guimarães
Tal como precisa de aquecer devidamente antes de correr, o corpo também necessita de alongamentos com retorno à calma para depois arrefecer. Um sprint final seguido de uma paragem súbita e ausência de movimento por horas, não fazem bem nenhum. Parar de repente após um exercício vigoroso pode causar todo o tipo de efeitos secundários indesejados, como cãibras musculares, tonturas e corpo dorido. Portanto é melhor não se sentar imediatamente após correr. Também deve evitar o (...)
29.Set.11

Técnicas de corrida: alongamento do tronco

José Guimarães
Uma rotina de alongamentos ideal centra-se em todo o corpo e não apenas nas pernas. Estes exercícios concentram-se em pontos fulcrais do tronco, incluindo o peito, os ombros, as costas e os braços. Alongamento da parte superior das costas Fique de pé, com os joelhos descontraídos, os pés afastados à largura das ancas e os dedos dos pés voltados para a frente. Entrelace os dedos das mãos em frente ao peito, com as palmas voltadas para fora. Afaste as mãos do peito, de modo a (...)
29.Set.11

Coma para correr!

José Guimarães
Como já não é a primeira vez que se aborda este assunto, decidi escrever aqui sobre o mesmo, agora que vamos iniciar aproximadamente 1 mês de sessões de treino mais exigentes, para estar preparado para a distância da próxima maratona! A hidratação e a alimentação serão essenciais para manter o seu corpo em óptimas condições. O importante não é apenas aguentar bem o treino, mas também conseguir manter a energia necessária para enfrentar o resto do dia sem se andar a arrastar.
27.Set.11

Hidratação

José Guimarães
A água constitui cerca de 60% do nosso peso e desempenha uma série de funções cruciais: ajuda a regular a temperatura do corpo, nutre as células, ajuda na eliminação dos desperdícios, ajuda a manter a pressão arterial e a lubrificar as articulações. Se não bebe água suficiente e não faz uma hidratação eficiente, pode estar a afectar negativamente a saúde, aumentando o risco de infecções urinárias e pedras nos rins. Está claro que todos nos devemos certificar que (...)
27.Set.11

Coma frutas e legumes, 5 por dia

José Guimarães
Varie todos os dias. Com o ritmo de vida actual, a alimentação diária é, muitas vezes, colocada em último plano, fazendo esquecer que factores como a diversidade e a qualidade dos alimentos ingeridos são importantes para a saúde. Está na hora de fazer a prova dos 5 e somar saúde e equilíbrio aos seus hábitos alimentares. Ingerir 5 porções de fruta ou legumes diáriamente, sejam frescos ou congelados, ajudará o seu organismo a proteger-se contra as doenças cardiovasculares (...)
10.Set.11

Ser activo é viver saudável

José Guimarães
A actividade física faz bem ao corpo e à mente em todas as idades. Por isso há que colher os benefícios de uma vida mais activa: Regula o peso, prevenindo os quilos a mais; Melhora a circulação sanguínea; Ajuda a respirar melhor; Diminui o risco de várias doenças crónicas; Aumenta a resistência dos ossos, prevenindo a osteoporose; Aumenta a flexibilidade e fortalece os músculos; Contribui para uma melhor coordenação de movimentos e equilíbrio, reduzindo o risco de quedas.