Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

22.02.13

Treinos, corridas e batimentos cardíacos

José Guimarães
Já lá vão quase 2 anos desde que comecei a correr. Nos meus primeiros treinos para a minha primeira maratona, costumava usar um cardiofrequencímetro. Foi comprado na Decathlon, um daqueles mais baratos mas nem por isso menos úteis. Relembrando uma coisa que fazia nesses treinos, ontem fiz uma experiência que há muito tempo não fazia e voltei a usar o cardiofrequencímetro. O objetivo era uma comparação direta com as medições que me lembrava desses tempos. E o resultado foi algo (...)
08.11.12

Pode-se correr com uma constipação ou não?

José Guimarães
Era (quase) inevitável! Com tanta gente a tossir e a espirrar, ontem foi a minha vez: acordei com uma grande constipação. Desde que comecei a correr que não adoecia, nem uma gripe, nem uma constipação, nada. Tirando os altos e baixos da imunidade depois de algumas corridas mais duras, foram quase 2 anos "limpo". Desta vez tinha que aparecer na semana anterior à minha (...)
29.09.11

Técnicas de corrida: aquecimento

José Guimarães
Por muito ansioso que possa estar por sair e começar a correr, primeiro é importante aquecer devidamente. O aquecimento é um dos elementos mais cruciais de qualquer programa de exercício e um hábito que deve anteceder toda e qualquer corrida, quer esteja apenas a começar ou já corra há anos. Não se sinta tentado a saltar esta parte, ou mais tarde pode acabar por sofrer.  Se correr sem antes fazer um aquecimento, fará com que os seus músculos estejam frios, rígidos e tensos, (...)
27.09.11

Quanto é saudável correr?

José Guimarães
Se não ultrapassar o seu limite físico, correr só traz benefícios (em resumo, 14). E não encontrámos efeitos secundários. Um exercício aeróbio como a corrida, baixa a pressão arterial sistólica e diastólica. O sistema imunológico vai-se fortalecendo, desde que não se ultrapasse os limites e não se treine em excesso. Correr equilibra e normaliza o nível de insulina. Isto regula a sensação de fome e adapta-a ao que o corpo necessita. O corpo vai mudando à medida (...)