Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

02.04.14

Porque somos o que comemos

José Guimarães
Cancro!... mas também outras coisas como osteoporose, doenças endócrinas, metabólicas, autoimunes, degenerativas e alérgicas e sei lá que mais!!! Crê-se (e estudos comprovam esta opinião) que muitas das doenças e novas epidemias com que nos deparamos nos tempos modernos devem-se sobretudo aos maus estilos de vida e maus hábitos alimentares a que nos temos habituado nos últimos anos. Tal como sou defensor de um estilo de vida ativo (aliás, a existência deste blog trata disso (...)
14.08.12

Porque fiz um rastreio do cancro da pele

José Guimarães
Uma das coisas que gosto frequentemente de me lembrar é que, aquilo que julgamos serem os males que só acontecem aos outros, podem muito facilmente um dia bater à nossa porta. E se há coisas que não podemos evitar, outras há em que as probabilidades de nos acontecerem são inversamente proporcionais às medidas de precaução que tomamos. Um desses males é o cancro da pele. E nada melhor que um "sinal" de alerta para nos despertar para estes perigos escondidos. O mês de agosto (...)
19.07.12

Cancro da pele: como correr e evitá-lo

José Guimarães
Já é ponto assente que todos aqueles que dedicam uma parte do seu dia (ou todos os dias) a correr ao ar livre, beneficiam de um melhor estado de saúde, um menor risco de sofrer de doenças do coração, diabetes, entre outros benefícios que tanto se abordam actualmente. Mas correr regularmente também significa que estamos mais expostos aos raios ultravioletas, que é o maior factor de risco para se desenvolver cancro da pele. Aliás, quem passa mais tempo que o normal exposto ao sol - (...)
10.09.11

Ser activo é viver saudável

José Guimarães
A actividade física faz bem ao corpo e à mente em todas as idades. Por isso há que colher os benefícios de uma vida mais activa: Regula o peso, prevenindo os quilos a mais; Melhora a circulação sanguínea; Ajuda a respirar melhor; Diminui o risco de várias doenças crónicas; Aumenta a resistência dos ossos, prevenindo a osteoporose; Aumenta a flexibilidade e fortalece os músculos; Contribui para uma melhor coordenação de movimentos e equilíbrio, reduzindo o risco de quedas.