Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

Sex | 05.01.18

Fui correr à chuva... e fiquei com os mamilos em ferida!!! O que faço?

José Guimarães

ursopeluche_pensonosmamilos.jpg

 

De facto, pode ser um bocado embaraçoso falar de mamilos... mas enfim, há coisas piores. Não sei se já vos aconteceu, mas confesso que para mim foi uma estreia. Das más!

 

Hoje de manhã fui correr (vejam o treino aqui no Strava). O Bernardo ontem estava com vontade, eu também, portanto combinámos para as 7h00 e lá fomos à hora combinada.

 

Estava a chover. Pouco ao início. Depois aumentou... e aumentou... e aumentou ainda mais. Apanhámos uma valente molha. Ao fim de meia hora, as dores nos mamilos. "Merda!!! Isto nunca me aconteceu antes", pensei. Mamilos a arder... e mais tarde, ao chegar a casa, mamilos em ferida. E agora?

 

Foi a segunda vez no espaço de uma semana que apanhei uma valente molha a correr. Já na voltinha de dia 31 aconteceu o mesmo. E, como no final ainda demorei um pouco a secar-me e a chegar a casa, depois do banho senti que os meus mamilos já estavam um pouco irritados. Hoje... pobres coitados, deviam estar mais sensíveis e o resultado foi que, ao chegar a casa, depois do banho, percebi que estavam mesmo em ferida.

 

Como é uma situação mesmo chata e já não é a primeira vez que falo sobre este assunto aqui no blog, deixo algumas dicas que podem ser úteis, não só para evitar que aconteça, como para, se já tiver acontecido, tentar tratar.

 

Causas 

É muito frequente vermos feridas nos mamilos em corredores, principalmente os de longas distâncias. A pele dos mamilos é super sensível e pode facilmente ficar irritada com a fricção. Nas mulheres, isto pode ser causado também pelo movimento excessivo do peito. A fricção pode causar a secura excessiva dos mamilos, dor e, em casos extremos, ferida e sangramento.

 

Roupa

O que me aconteceu foi causado pela frição excessiva do tecido da tshirt molhada em cima dos mamilos. Podemos minimizar esta frição usando vestuário apropriado para correr. Para os homens, a solução pode também passar por tirar a tshirt durante o treino. Claro que com frio e chuva não dá jeito. Portanto a aposta recai na utilização de uma tshirt leve e suave, com os melhores materiais possíveis. Para as mulheres, usar um soutien de desporto reduz o movimento do peito, o que pode ajudar a evitar a situação. Se estiver mesmo a chover, o melhor é usar um impermeável, para evitar que a primeira camada junto ao corpo fique molhada, e adicionar outras soluções que indico mais abaixo.

 

Barreiras

Além do vestuário adequado, podemos minimizar o risco de magoar os mamilos se colocarmos barreiras protetoras antes de ir correr. Estas podem ser simples pensos rápidos em cima dos mamilos, um lubrificante, ou até pensos e acessórios próprios para este efeito. Se usarem um lubrificante, optem por um à prova de água, caso contrário arriscam-se a que a chuva ou até mesmo a transpiração o elimine e, passado pouco tempo, já não tenham nada a proteger.

 

Tratamento

O tratamento vai depender muito da gravidade da situação. Em alguns casos, o corpo regenera bem e basta aplicar um pouco de gelo ou até um creme hidratante para acalmar a irritação. Se os mamilos estiverem em ferida e até a sangrar, limpem e apliquem uma pomada cicatrizante com antibiótico, protegendo-os também com um penso. Em qualquer caso, é importante darem uma folga para permitir que a pele dos mamilos possa sarar a 100%. Se a ferida infetar ou a dor persistir, não hesitem em contactar um médico.

 

Fonte: www.runnersworld.com