Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

Qui | 29.09.11

Cross Training: o que é?

José Guimarães
Já aqui falei várias vezes sobre o cross-training, pelo que gostava de deixar uma explicação mais detalhada sobre esta forma de treino muito completa. Cross training significa a combinação de dois ou mais desportos, ou formas de exercício, para melhorar os níveis gerais de aptidão física. Muitos corredores também praticam outros desportos e há vantagens em fazê-lo, independentemente da aptidão - quer esteja apenas a começar, já corra há algum tempo ou esteja envolvido em treinos intensivos. Quanto mais cedo começar, melhor. Dependendo das actividades adicionais que pratica, é menos provável que seja prejudicado por pernas arqueadas ou falta de fôlego e, quanto mais treinar, melhor será a sua condição física. Por outro lado, se apenas se limitar a correr, a acção repetitiva e o uso continuado dos mesmos músculos irá inevitávelmente sujeitar certos músculos e partes do corpo a uma tensão indesejada. Incorporando outras formas de exercício no seu plano, estará a usar músculos diferentes e a tensão sobre as outras zonas será reduzida. Também exercitará um conjunto de músculos mais vasto, o que terá um efeito positivo na condição física geral, melhorando a sua força e flexibilidade, e estar mais em forma terá um efeito estrondoso na sua corrida. O cross training também lhe permite variar o seu regime de exercício, portanto não estará a executar a mesma rotina semana sim, semana não. Estar sempre a correr pode tornar-se aborrecido. Se experimentar outras actividades desportivas onde se focar, pode aumentar a sua motivação enquanto corredor.   Opções de cross training Existe uma vasta selecção de desportos e exercícios alternativos que contam como cross training. As escolhas mais populares incluem trabalho de ginásio, treino core stability para os estabilizadores do tronco, ciclismo e natação, pois está provado que são benéficos para os corredores, bem como outras actividades como a aeróbica, o kick-boxing, o remo, o esqui e a patinagem. A escolha é sua, e pode optar por um plano de corss training mais estruturado ou flexível. Se não tem a certeza do que será melhor para si, experimente o ciclismo ou a natação, pois ambos são boas bases iniciais para o cross training. O ciclismo envolve o uso dos músculos das pernas, mas coloca menos tensão sobre o corpo. Por isso, pode pedalar por mais tempo sem sentir desconforto. A natação é outra boa actividade cardiovascular e tem a vantagem acrescida de a poder praticar mesmo com as pernas cansadas da corrida (conhecido por "recuperação activa"), pois a água vai ajudar a acalmar a rigidez. A natação e o ciclismo também são capacidades úteis a manter caso ambicione competir, pois pode desejar participar num triatlo e estes desportos em particular são os outros componentes. Dica: Os principiantes deveriam procurar equilibrar a corrida com cross training. Se corre duas vezes por semana, faça duas sessões de cross training.   Fonte: Corra pela sua saúde, Rachel Newcombe, Caracter Entertainment

8 comentários

Comentar post