Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

Qui | 29.09.11

Coma para correr!

José Guimarães
Como já não é a primeira vez que se aborda este assunto, decidi escrever aqui sobre o mesmo, agora que vamos iniciar aproximadamente 1 mês de sessões de treino mais exigentes, para estar preparado para a distância da próxima maratona! A hidratação e a alimentação serão essenciais para manter o seu corpo em óptimas condições. O importante não é apenas aguentar bem o treino, mas também conseguir manter a energia necessária para enfrentar o resto do dia sem se andar a arrastar. Duas recomendações básicas: as refeições serão o seu combustível, mas não é a que acabou de comer mesmo agora, pois o seu organismo requisita a refeição das últimas 6 a 12 horas. Assim sendo, planifique os dias em que vai treinar de forma mais intensa e com percursos mais longos para optar por refeições que contenham hidratos de carbono. Se for treinar logo de manhã, já sabe que tem de jantar bem (e não muito tarde). Se o treino for a meio do dia ou à tarde, aproveite para tomar um bom pequeno-almoço com torradas, cereais e algo doce. A segunda recomendação destina-se à recuperação do esforço: quando termina um treino as suas reservas estão abaixo dos níveis mínimos e é quando o corpo assimila qualquer tipo de alimento. Esta é a altura ideal para comer algo saudável assim que acaba de treinar: fruta, barras energéticas, frutos secos ou bebidas com hidratos de carbono. Desta forma repõe rapidamente as suas reservas e evita passar o resto do dia cansado devido ao treino.   Fonte: Men's Health