Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

26.Ago.12

À saúde e à boa disposição!!!

Convido-vos a todos - corredores e não corredores - a ver a foto que aqui está publicada. De seguida, convido-vos a tentar descobrir qual é o fator comum que mais sobressai na mesma... brinde-aos-trilhos-de-monsanto Não, não são as minis (embora no final houvesse para todos e nos deixassem a todos bem dispostos). Também não é o suor. E esse houve em abundância neste fim de semana recheado de corrida: primeiro foi no sábado de manhã, com o Free Training da Rota da Biodiversidade, que juntou cerca de 70 participantes, em pleno mês de férias e com o tempo mais do que bom para uma ida à praia! Depois foi no domingo, em que, não havendo este ano a corrida oficial dos Trilhos de Monsanto (com muita pena minha, que não a quis experimentar no ano passado, já que era o meu primeiro ano de corrida), um bem composto grupo de animados atletas combinou e lá se juntou para percorrer o mesmo trilho da extinta prova. Por esta altura, todos os que leram o artigo até aqui já adivinharam sobre o que eu falava ao início. Isso mesmo: os sorrisos dos fotografados :) Quando corro gosto do exercício, gosto de me sentir bem a subir, a descer, ou a direito e gosto de atingir os objectivos a que me proponho. Mas também gosto de reencontrar os amigos e as boas relações entre aqueles que usufruem mais com o espírito do que com as pernas o prazer que se sente por se fazer parte desta "família" que corre. Este fim de semana (de acordo com o meu plano de treinos) teria 20 km para fazer no sábado e outros 20 km para fazer no domingo. Fiz a distância total, embora com alguns ajustes pelo meio, os quais me obrigaram a correr um pouco mais do que o planeado no domingo. Mas não foi um fim de semana só de treinos e de suor. Foram sim dois dias particularmente recheados com espírito de grupo, amizade e muitos sorrisos (sim, como os da fotografia acima publicada). Aproveitámos para ficar a conhecer mais um pouco da nossa história e reviver outras épocas, outros momentos. Fizeram-se novas ligações e novos amigos. Pessoalmente até reencontrei um amigo perdido desde os tempos da faculdade (e já lá vão uns aninhos). Aquilo que se correu, o que cada um sentiu e que possa ter custado mais ou menos, ou até mesmo ter deixado mazelas para o dia seguinte, cada um poderá comentar e detalhar como foi e ao que lhe soube. Mas tenho a certeza que de um sentimento todos partilhamos, demonstrado tanto num aplauso de satisfação como num brinde improvisado. Esse sentimento é sinónimo, mais do que umas pernas cansadas pelos quilómetros feitos, de um espírito preenchido com muita saúde e boa disposição. É a isso, pois, que aqui se brinda! E espero que assim seja sempre. Obrigado a todos! Até à próxima oportunidade!