Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

Ter | 05.02.13

A proteína não ajuda a desenvolver os músculos?

José Guimarães
  Como é que a proteína que tomo desde que comecei a correr, o néctar que me alimenta os músculos, como é que este ingrediente mágico pode não ter nenhum impacto na massa e na força muscular? Como é possível? Depois de ler mais um pouco, percebi que claramente isso não é possível. Além do título poder ser mal interpretado, o artigo dizia que "a proteína (whey) tomada antes e durante exercícios de resistência não tem efeito sobre a massa e força muscular, em adultos sem treino regular." O tema dos suplementos é alvo de alguma discussão entre pessoas que os tomam e outras que não os tomam. Quando começamos a entrar num ritmo de treinos mais duro ou, melhor ainda, a complementar a corrida com treino em ginásio, tal como faço desde o verão com a equipa Hand2Hand, ocorrem adaptações neurológicas que têm como consequência o corpo tornar-se mais forte, simplesmente por se tornar mais eficiente em alguns padrões de movimentos. Isto explica os ganhos na força, sem qualquer crescimento muscular. Além disto, as pessoas intervenientes neste estudo não tinham qualquer treino de resistência. E simplesmente por adicionar proteína à dieta, tal facto não faz com que haja aumento da massa muscular. Não é que não interesse o que ingerimos antes, durante e depois dos treinos, mas para existir desenvolvimento muscular é necessário que exista também um padrão de treinos de resistência. E é necessário também que nos alimentemos de forma adequada, ou seja, temos que ingerir um excesso de calorias equivalente ao que "queimamos" todos os dias nos treinos, por forma a desenvolver a massa muscular. As conclusões de um outro estudo mostram então que a suplementação com proteína aumenta a massa e a força musculares, quando acompanhados por exercícios prolongados de resistência física.

Portanto, quais são as conclusões?

Não ignorem os batidos de proteína antes dos treinos. Eles são importantes para dar um arranque inicial à síntese proteica e aumentar o fluxo sanguíneo (originando um aumento da entrega de nutrientes) para os músculos. Se o desenvolvimento da massa muscular for o vosso objetivo, é importante lembrarem-se que o treino por si só não é suficiente. É necessário consumir calorias: comecem por mais 500 calorias/dia. E é também necessário dormir bastante. Afinal de contas, é aqui que os músculos crescem. Fonte: LiveStrong