Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De Sedentário a Maratonista

A motivação também se treina!

09.Ago.16

7 dicas para correr na praia

Lá por estarem de férias, não quer dizer que deixem de treinar. De facto, passar os dias na praia pode ser até benéfico para a vossa rotina de treinos. Porque não trocar então o asfalto pela areia? Costumo dizer que detesto correr na areia. Mas, de facto, correr na areia é uma excelente forma para qualquer tipo de corredor variar um pouco de terreno. Os músculos são desafiados de formas totalmente diferentes daquilo que estão habituados e a mudança de cenário certamente não vai custar, pelo contrário. Mas como aproveitar este novo piso totalmente? Aqui ficam 7 dicas para tirarem o máximo partido de correr na areia:

Cuidado com o sol

Correr à beira mar significa normalmente maior exposição ao sol. Enquanto a maior parte dos corredores estão habituados a correr ao sol, seja em estrada ou em trilhos, correr na praia é um nível completamente diferente. Sem qualquer tipo de sombras, o protetor solar é crucial. Usem também um boné e uma tshirt com capacidade para bloquear os raios UV, para assim evitarem queimaduras solares, principalmente ao nível dos ombros. Também pode ser uma boa ideia correr logo bem cedo ou ao final do dia, quando o sol não é tão forte. E, como bónus, a praia estará bem mais tranquila.

Trabalhar com a areia

Correr na areia é difícil! A areia é mais mole e o terreno não é uniforme. Em resumo, é das piores superfícies para se correr. E tendo dito isto, só há uma variável com a qual se pode trabalhar: a maré. Familiarizem-se com a tabela das marés e planeiem a vossa corrida, de preferência no baixa mar, pois é nesta altura que a areia vai estar mais dura e uniforme, tornando a corrida mais fácil.

Aproveitem para correr descalços

Não há nenhuma regra que diga que não podem correr com o vosso calçado de corrida habitual, mas correr descalço (o chamado barefoot) faz sem dúvida parte da diversão de correr na praia. Se estão mais do que habituados a correr calçados, dêem-se à liberdade de descalçar os sapatos e experimentar. Comecem com trajetos curtos, aumentando gradualmente a distância em cada corrida descalça. Tenham em atenção os perigos que podem estar enterrados na areia, como conchas, pedras e até pedaços de vidro. Se a areia onde vão correr é demasiado dura, uns sapatos de trail leves vão ajudar a manter o conforto necessário.

Vistam-se a rigor

Um bikini ou os calções de banho podem ser ótimos para estar na praia a apanhar sol. Mas para uma corrida vocês vão precisar de algo mais adequado. Levem uma muda de roupa para a correr na praia. Ah, e cuidado com a água, porque em conjunto com uns calções de banho podem ficar assados entre as pernas. Se necessário, levem para a praia algum tipo de lubrificante.

Nivelem a corrida (se possível)

Correr à beira mar normalmente significa correr num plano inclinado. Isto pode ser prejudicial para os joelhos. Correr para um lado e para o outro, ao longo da costa, pode ajudar a equilibrar a coisa, mas se os joelhos ou as ancas começarem a incomodar, parem, ou regressem a uma superfície mais nivelada.

O fator entretenimento

Uma corrida ao longo da costa oferece vistas incríveis de costa e mar e horizontes sem fim, além do barulho das ondas e do vento suave no corpo :) Que mais se pode querer? A realidade é que numa corrida mais longa, a vista pode ser um bocado repetitiva. Correr na praia não traz propriamente muita variedade de cenário, portanto pode ser que tenham um pouco mais de trabalho em manter a mente ocupada (ou não). Se for tranquilo para vocês, aproveitem para levar música, ou façam uma busca por conchas interessantes ou por vida no mar.

Não se deixem desencorajar!

Correr na praia requer muito mais energia do que correr em superfícies duras. Estudos estimam que 1 km na areia equivale a 1,5 km na estrada, portanto não se sintam desencorajados se sentirem que está a ser mais difícil do que é habitual fazer os habituais 10 km. Aproveitem o tempo e o local para "curtir" a nova experiência e se a corrida for um pouco mais curta do que o habitual, não se preocupem. Afinal de contas, vocês estão de férias! Fonte: Panama Jack